Buscar
  • Mariana Veloso

DEIXA O BROTO VIRAR FLOR


Ilustração: Cristiane Rosa dos Santos


Perdoe-se, e siga seu caminho da melhor maneira que conseguir. Deixe ir o que não te agrega e abre espaço para o novo. Deixa fluir o que te sufoca. Não guarda mais dor, rancor e desamor.

Você é incrível, potente, especial e rara.

Você é luz!

Voa, e segue seu caminho, seu destino. Pegue a rota da sua vida. Não há só certezas, mas deixe essas dúvidas e pesos de bagagens passadas para trás. Siga, e não olhe para o que já se foi... Se agarre a experiência, se apegue ao que te fez bem.

Deixe ir, menina!

O que não te faz bem, o que te sufoca e gera dúvidas. Você merece gente inteira, honesta, e não migalhas.

Suas dores são lição, cicatrizes são poemas. Faça uma catarse! Deixa pulsar, isso é pesado, não tem porque segurar. Siga sua intuição, a voz que vem do seu coração. Deixa sua alma falar...


Acolha...

Receba essa nova mulher que está a chegar. Abre espaço e deixa ela se abrigar. Acolha a menina e compreenda a adolescente. Elas trilharam o caminho, foram sua transição, construção e transmutação. Elas ainda estão aí. Receba-as com amor.


Voa... vai... flui...

Deixa pulsar, deixa a dor estagnar.

Se presenteie quando precisar, se ame. Sempre!

Se cuide em todos os momentos.

Respeite o teu corpo.

Faça um carinho em você.

Hidrate-se;

Toque-se;

Cuide-se;

Priorize-se.

Deixa o novo chegar, deixa o belo nascer, deixa a alma fluir, deixa o coração florescer. Não se prenda mais.

Tem uma mulher aí para renascer... deixa ela brotar, deixa ela nascer, transmutar, transformar, transcender.

Vai... Voa... Renasce!

O mundo está à sua espera. E tem pressa.

Com amor,

Eu.


Posts Relacionados

Ver tudo

DESABAFO